Home Dicas para Aprender Francês Dicas de Francês #009 – Como aproveitar a repetição e revisão no...

Dicas de Francês #009 – Como aproveitar a repetição e revisão no aprendizado de Francês

1084
0
SHARE

Dicas de Francês #009 – Como aproveitar a repetição e revisão no aprendizado de Francês

Dicas de Francês #009 – Como aproveitar a repetição e revisão no aprendizado de Francês

Bonjour ici c’est Luciano du Blog eufalofrances.com.br e hoje eu estou aqui para te falar um complemento sobre a memorização. Que é, como eu já te falei no outro vídeo, sobre a parte de memorização, se você ainda não viu esse vídeo, o link vai estar aqui a baixo, sobre repetição. A gente sabe que a memória, ela fica a curto prazo e a longo prazo e a base com que você vai repetindo as suas lições, o seu aprendizado, fica na memória fixa, vai fixar dentro da sua memória.

Então, hoje eu vou te dar uma dica bacana, sobre como você aproveitar a repetição das suas… do seu aprendizado, sem você ter que repetir muito e qual o tempo que você deve fazer isso. E eu vou falar pra você sobre isso, agora. Ok, na verdade é o seguinte, pessoal… as pessoas se confundem um pouco sobre revisão. Quantas vezes você tem que repetir uma revisão para que ela saia da memória, da memória aleatória, da memória a curto prazo, para a memória a longo prazo, ou seja, para a memória fixa. Então é o seguinte, o pessoal às vezes estuda uma lição hoje, daqui meia hora estuda de novo, hoje à noite estuda de novo, amanhã estuda de novo. E estudos foram comprovados que este tipo de estudo, ele vai cansar e estressar o seu cérebro, é este tipo de repetição, de revisão.

Como que deve ser feita a revisão de um modo com que você coloque esse aprendizado de forma definitiva na sua memória? Vamos lá. Você estudou a sua lição hoje, você estudou determinado assunto hoje, você vai pular dois ou três dias e vai repetir. Nesse intervalo você vai fazendo outras lições, então você vai acompanhando e enchendo toda a sua semana, todo o seu dia, todo o seu mês, mas essa de hoje você vai repetir daqui dois ou três dias. Estudos comprovaram que aquilo que você estuda uma vez, de cinco a sete dias, se você não rever, o cérebro vai falar, “isso não é importante”, e vai jogar de lado e não vai deixar isso pra você aprender, está Ok?

Então, ou seja, daqui dois ou três dias você vai revisar o que você viu hoje, depois, daqui dez dias, a partir do primeiro dia, vamos lá, vamos contar do primeiro dia, tá? Dia zero, dois ou três dias, repete. Depois com dez dias, repete de novo. Com 20 dias, repete, repete de novo é bacana, não é. Depois com 20 dias, repete, depois com 30 dias, repete. A partir do momento que você fez esse espaço do primeiro dia até o trigésimo dia, essas repetições, então vai dar, uma repetição com dois ou três dias, a segunda repetição com dez dias, a terceira repetição com 20 dias, a quarta repetição com 30 dias. Você pode sim fazer a cada três dias, desde que o assunto seja interessante para você, desde que tenha interesse, real interesse no assunto de que você está estudando, igual eu já falei em outros vídeos, que você tem que estudar dentro de assuntos que você tem interesse, tá?

Mas essa forma é a forma mínima para você fazer as suas repetições, se você fizer repetição todos os dias pode gerar um bloqueio no seu cérebro automático, não é que você vai querer bloquear, isso vai acontecer automaticamente, então é interessante você dar um espaçamento sim, nas repetições do seu aprendizado, tá bom? Se você está assistindo esse vídeo pelo Youtube, eu te convido a curtir o meu canal, deixar um comentário, se for pelo Facebook a mesma coisa, o seu comentário é importante para que eu possa produzir mais conteúdo, dessa língua maravilhosa que é o francês, essa língua do glamour, essa língua apaixonante.

E eu te vejo no próximo vídeo. Ciao, ciao.

SHARE
Previous articleAprender francês com músicas #007
Apprendre le français avec des chansons:
Grégoire – Ta Main
Next articleDicas De Francês #021 – Aprender 2 Idiomas ao Mesmo Tempo
Bonjour! Eu sou Brasileiro, e me mudei para Genebra em 2004 sendo o meu único idioma o português brasileiro. Depois de passar por dificuldades financeiras e até mesmo de saúde e, mesmo estudando de forma tradicional com gramática, verbos etc e não conseguir resultados, resolvi criar o meu próprio método de aprendizado. Assim tive resultados extraordinários e em 6 meses eu já estava falando fluentemente a língua francesa. Resolvi colocar em prática o meu método com outros idiomas e em alguns meses eu já falava também o Italiano, o Espanhol e o Inglês. Conclusão: FUNCIONA! Então me candidatei a ser professor voluntário na Universidade de Genebra UOG, para consolidar minha metodologia ensinando pessoas carentes e que necessitavam falar francês: Filipinos, Brasileiros, Bolivianos, Portugueses, Espanhóis, Japoneses,, Chineses, Indianos entre outros. Foi simplesmente indescritível toda cultura e riqueza em cada aula dada. Gratidão de ser o que sou: Professor de Francês para Adultos: A FALA EM PRIMEIRO LUGAR! À bientôt...